terça-feira, 20 de junho de 2017

Acompanhe a sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Messias Targino ao vivo hoje pelo INSTAGRAM/Messias Online

Hoje a partir das 16 horas o blog Messias Online através de sua conta no aplicativo INSTAGRAM, irá transmitir ao vivo mais uma sessão ordinária da câmara de vereadores de Messias Targino,e você é nosso convidado para assistir sem sair de casa,basta só baixar  aplicativo INSTAGRAM no seu celular(caso não tenha), e seguir nosso blog,@messiasonline,na hora que começar a transmissão o aplicativo avisará que estamos ao vivo,você também poderá interagir com os vereadores e com a platéia que estiver assistindo junto com você.

COXINHA FOI PRESO - Humorista Hiran Delmar é preso em Fortaleza suspeito de agredir esposa

O humorista José Iramar Augusto Aristóteles, conhecido como Hiran Delmar, está preso desde a última quinta-feira, 15, suspeito de agredir a própria esposa. O POVO apurou que o caso de violência doméstica foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM). A Polícia Civil confirmou a informação.
Segundo o órgão, a prisão em flagrante foi pelos crimes de lesão corporal, injúria e ameaça. O crime teria sido praticado no bairro São João do Tauape, na Área Integrada de Segurança 10 (AIS 10), após o humorista ter agredido sua esposa. De acordo com a Polícia Civil, no depoimento da vítima, os dois discutiram por telefone quando ela estava no hospital, onde levou a filha para uma consulta.
"De acordo com a vítima, quando chegou em casa, o marido puxou os cabelos dela e deu dois tapas no rosto. A mulher se trancou no banheiro e ligou para a Polícia. Quando os policiais militares chegaram ao local, levaram Iramar e a esposa até a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).", informou a Polícia Civil por meio de nota.
A companheira do humorista foi submetida a exame de corpo de delito, onde foi confirmada a agressão sofrida. O suspeito segue preso.
A reportagem tentou falar com a equipe do humorista, por meio do contato para shows disponibilizado no Instagram e no Facebook do artista, mas ligações não foram completadas, assim como também não foram atendidas as ligações feitas para o produtor do humorista.
Associação Cearense do Humor
Presidente da Associação Cearense de Humor, o comediante Lailtinho Brega disse que a instituição tem acompanhado o caso e prestado assistência tanto para Iramar, quanto para a esposa dele, que é sua produtora. "Ele está arrependido. Somos amigos dos dois. A gente torce para que contornem. Eles trabalham, viajam e produzem juntos", comentou Lailtinho.
Lailtinho espera que o caso sirva de lição e reflexão. "Que o homem respeite a mulher, (que possa) construir e respeitar as diferenças. Ninguém está imune a isso, pode ser o operário, o médico, o juiz. A violência não escolhe, cai entre a gente", afirmou.
Fonte:Catolé News

Polícia Militar intensifica blitz no Trânsito de Mossoró

A Polícia Militar através do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) deflagrou durante a noite desta sexta-feira (16), uma operação de saturação com barreiras itinerantes nas adjacências do Mossoró cidade Junina.
Durante a noite, o CPRE saturou as adjacências do local da festa, com blitz ao longo das principais vias. Foram abordados 45 condutores, dos quais 03apresentaram alguma irregularidade com relação ao Código de Trânsito Brasileiro.
O Capitão Lima comandante do 2º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual (DPRE), junto com seu efetivo continuaram as abordagens durante toda madrugada.
Também nesta madrugada as abordagens terão o reforço dos policiais da Lei Seca, comandados pelo Capitão Isaac, segundo o comandante da operação: “o intuito da operação Lei Seca é diminuir os acidentes fatais e de acordo com as estatísticas vem diminuindo”.
A Operação Lei Seca realiza blitz onde todos os veículos e seus condutores são abordados e fazem o teste do etilômetro. Até o presente momento foram autuados 72 pessoas administrativamente, 03 pessoas presas, 24 autuados por diversas infrações no trânsito num total de 617 veículos abordados e 08 veículos recolhidos.
___________________________
Fonte:O Câmera

Caravana das Águas comemora retomada das obras da Transposição

A senadora Fátima Bezerra comemorou, junto com a “Caravana das Águas”, durante Audiência Pública, em Pau dos Ferros, a retomada das obras da Transposição do Rio São Francisco que estavam paralisadas por decisão judicial. A informação foi repassada à parlamentar na manhã de hoje pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho. Fátima preside a Comissão de Desenvolvimento Regional (CDR) do Senado, que é responsável pelas vistorias e audiências públicas que estão sendo realizadas nas estruturas do eixo norte, onde estão os estados receptores.
A ministra Carmen Lúcia, presidente do STF, derrubou decisão que havia suspendido a continuidade das obras do trecho entre os municípios de Terra Nova/PE e Jati/CE. Com esse impedimento, a integração das águas jamais chegariam ao RN, uma vez que os dois ramais que contemplam o estado dependem da conclusão do eixo norte.
A senadora comentou a decisão da ministra. “Cada etapa vencida é uma alegria sem tamanho para todos nós. Mas não vamos esmorecer porque a luta ainda é longa. Continuemos a luta que essas águas hão de chegar por aqui”, comemorou.
Fonte:Blog do Xerife

Justiça determina que Estado corrija monetariamente salários atrasados

Os desembargadores que compõem o Pleno do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), por maioria de votos, atenderam parcialmente a Mandado de Segurança impetrado pelo Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Direta do Estado do RN (Sinsp/RN) e determinaram que Estado corrija monetariamente os valores dos salários dos servidores cujos pagamentos tenham sido efetivados além do último dia de cada mês.
Devem atender a determinação o governador do Estado, Robinson Faria, os secretários estaduais de Administração e dos Recursos Humanos, bem como de Planejamento e das Finanças e a Presidência do Instituto de Previdência do RN (Ipern). A decisão foi tomada em conformidade com o determinado pelo artigo 28 da Constituição Estadual.
Dentre os argumentos, o Sindicato destacou que os vencimentos dos servidores de cargos efetivos, aposentados e pensionistas da Administração Direta do Estado do RN não têm sido pagos em dia, até o último dia de cada mês, devendo ser corrigido monetariamente.
O Estado, através do secretário de Administração, contra-argumenta que existe uma impossibilidade material temporária para pagar os vencimentos dos servidores até o último dia de cada mês. O Governo aponta a frustração da Receita Líquida do Tesouro na ordem de R$ 83,2 milhões em comparação ao estimado no orçamento de 2016, bem como queda real na arrecadação, na ordem de R$ 202 milhões em relação ao mesmo período do ano passado e queda dos repasses federais ao Estado e nas receitas próprias, sobretudo do ICMS.
Correção monetária
A decisão no TJRN ressaltou, contudo, que e a norma constitucionalnão usa nomenclatura impositiva de pagamento como: “deverão ser pagos” ou “obrigatoriamente, serão pagos”, no último dia do mês trabalhado.
“Deste modo, resta comprovado o direito líquido e certo, não em relação ao pagamento dos vencimentos da categoria representada até o último dia do mês, isso porque, conforme evidenciado anteriormente, a data limite prevista na Constituição Estadual é apenas sugestiva, mas sim no tocante à correção monetária dos valores quando pagos após o prazo estatuído, cuja legalidade restou reconhecida pelo Supremo Tribunal Federal”, definiu a desembargadora Maria Zeneide Bezerra, relatora do Mandado de Segurança.
Fonte:mossoroense

Após EUA abaterem jato sírio, Rússia corta comunicação e ameaça retaliar

Um dia depois de a coalizão liderada pelos Estados Unidos derrubar um jato do regime sírio, a Rússia anunciou nesta segunda-feira (19) a interrupção do canal de comunicação com Washington para evitar colisões aéreas sobre o país árabe.

O governo de Moscou também disse que passará a tratar aviões da coalizão que voem a oeste do rio Eufrates como alvos em potencial, sujeitos a serem derrubados.

O anúncio da Rússia representa uma nova deterioração nas relações militares com os Estados Unidos e pode agravar a situação política na Síria.

No domingo (18), a coalizão liderada pelos Estados Unidos, que realiza bombardeios contra a organização terrorista Estado Islâmico na Síria e no Iraque, derrubou um avião do regime do ditador Bashar al-Assad a cerca de 40 quilômetros da cidade de Raqqa. O piloto se ejetou sobre território controlado pelos extremistas e está desaparecido.
Fonte:Potiguar Notícias

STF julga nesta terça prisão de Aécio Neves; apoio no Senado é incerto

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal julga nesta terça-feira (20/6), os recursos contra a decisão do ministro Edson Fachin de afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG) do cargo e o pedido de prisão do tucano feito pela Procuradoria-Geral da República. A defesa de Aécio solicitou que o Supremo devolva a ele as funções parlamentares. 
 
Fachin, relator da Operação Lava Jato na Corte, afastou Aécio em maio, durante operação que teve como base a delação do Grupo J&F. O ministro negou o pedido de prisão, mas uma nova solicitação foi feita pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. 
 
Na sessão, os ministros da Primeira Turma - Marco Aurélio Mello, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux - também julgarão os pedidos das defesas da irmã de Aécio, Andrea Neves, do primo do tucano Frederico Pacheco e do ex-assessor parlamentar Mendherson Souza Lima, que foram presos preventivamente por decisão de Fachin. As defesas pedem a revogação das ordens de prisão.
 
Na semana passada, no primeiro julgamento relacionado a esta investigação - o de uma questão de ordem apresentada pelo relator Marco Aurélio - a Primeira Turma decidiu manter Andrea presa. Na ocasião, Barroso, Rosa Weber e Fux mantiveram o entendimento de Fachin, que foi o primeiro relator do caso, antes da redistribuição para Marco Aurélio.
 
Fux disse, semana passada, que o voto dado no caso de Andrea não deveria ser visto como um indicativo de como ele se posicionará no julgamento em relação a Aécio. "Os pressupostos são diferentes", afirmou.
 
A expectativa, nos bastidores do Supremo, é de que Barroso e Rosa Weber, considerados duros em seus votos na área penal, podem votar pela prisão do senador afastado. No entanto, ninguém crava se algum outro ministro do tribunal acompanharia tal posicionamento.
 
Sobre a forma como será conduzida a sessão, os pedidos serão analisados separadamente. Marco Aurélio, que também é o presidente da Primeira Turma, não adiantou qual será o primeiro pedido a ser analisado: o de prisão de Aécio ou o de revogação do afastamento do parlamentar do Senado.
 
Senado
 
Considerado crucial nas decisões do Senado, o PMDB já sinalizou que só votará contra eventual pedido de prisão de Aécio se os tucanos demonstrarem apoio incondicional a ele. Ontem, o líder do PMDB na Casa, Renan Calheiros (AL), evitou se comprometer e afirmou não ser possível fazer um prognóstico do caso antes da decisão do Supremo.
 
Presidente do Conselho de Ética do Senado, o também peemedebista João Alberto Souza (MA) compartilhou da opinião de Renan. Souza afirmou que aguardará o julgamento no Supremo para definir se aceitará ou não o pedido de cassação contra Aécio que tramita no colegiado e que seu posicionamento deverá ser de acordo com o do plenário da Casa.
 
No caso do senador cassado Delcídio Amaral (ex-PT-MS), por exemplo, Renan e João Alberto Souza se manifestaram abertamente contra a prisão do ex-parlamentar.
 
Nos bastidores, nomes fortes do PMDB já enviaram recados aos tucanos, de que só depende do PSDB a iniciativa para barrar uma eventual prisão de Aécio. O entendimento dos peemedebista é o de que, se nem o partido do senador afastado o defender publicamente, "não sobra ninguém para abraçar a causa". 
 
Pauta
 
Caso o Supremo determine a prisão do parlamentar tucano, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), deve pautar a votação sobre o caso em um período de 24 horas, como determina a Constituição. Por meio de votação nominal, são necessários pelo menos 41 senadores para definir o resultado.
 
As sinalizações do PMDB ocorrem no momento em que o PSDB enfrenta uma de suas piores crises. Os tucanos discutem não só o apoio a Aécio, mas também a permanência do partido na base aliada do governo do presidente Michel Temer. Amanhã está prevista uma reunião da legenda para debater essas e outras questões.
 
O líder do PSDB no Senado, Paulo Bauer (SC), avaliou que não há argumentos suficientes para embasar o afastamento de Aécio, mas evitou comentar sobre uma eventual prisão do colega de partido. 
Fonte: Agência Estado

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Prefeita de Messias Targino inaugurou nova sede do CRAS

A Prefeita de Messias Targino, Shirley Targino (PR), inaugurou na manhã desta segunda-feira (19), a nova sede do Centro de Referencia de Assistência Social do município, que contou com a participação de mais de 250 pessoas no evento.
Shirley, destacou a importância dos programas e projetos que vem sendo desenvolvidos no CRAS e que vem atendendo a população local.
Na oportunidade a prefeita fez o anuncio de vários investimentos que serão iniciados no município nas áreas do social, saúde, agricultura, obras e geração de renda. “O nosso objetivo é cada vez mais tá buscando mais obras para nossa cidade”, destacou Shirley.
Já o vice-prefeito Pôla Pinto (PT), enfatizou o trabalho que vem sendo feito pelas secretarias de Agricultura, Obras, Saúde, Educação e as demais que vem tornando uma gestão cada vez mais eficiente. “O sistema de saúde de Messias Targino funciona com serviços de qualidade e eficiência, inclusive sendo referencia em nossa região”, apontou Pôla Pinto.
A Secretária Municipal do Trabalho Habitação, Assistência Social e Cidadania , Ilania Dantas Targino e Margarida Maria de Aquino, Secretária de Saúde, registraram as parcerias que tem a cada dia melhorado os atendimentos dos serviços ofertados a população.
Durante o evento foi realizado teste glicêmico, entrega da caderneta do idoso, alongamento com o fisioterapeuta e também oferecido um café da manhã aos participantes.
Fonte:Pola Pinto

Caso F. Gomes: TJRN concede pedido de desaforamento do Júri de Lailson Lopes

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, concedeu o pedido de desaforamento solicitado pelo advogado Aneziano Ramos em favor de seu cliente, o réu Lailson Lopes (Gordo da Rodoviária). Ele é acusado de ser um dos mandantes da morte do jornalista Francisco Gomes de Medeiros (F. Gomes).
Antes disso, seu julgamento estava marcado para acontecer nesta quarta-feira, dia 21 de julho, em Caicó. No pedido de desaforamento, o advogado alega que “a grande repercussão do caso amplamente conhecido na Região, justamente por ter sido a vítima um radialista famoso que comandava um programa policial, influencia e compromete diretamente a imparcialidade dos jurados“. No despacho, o relator diz que “não me parece prudente permitir a possibilidade que se ponha em risco a isenção do julgamento a ser proferido pelo conselho de sentença, diante do fundado receio sobre a imparcialidade do júri“.
Por Sidney Silva

Neurocientistas criam playlist capaz de diminuir a ansiedade; confira

Se você é do tipo que está sempre com os fones no ouvido, certamente sabe o quanto certas músicas podem mudar o nosso humor. E a neurociência comprova isso! Um recente estudo realizado pela britânica Mindlab – organização focada em estudos referentes ao impacto que a comunicação exerce sobre o nosso cérebro – montou uma playlist sob medida para quem busca combater a ansiedade.
Para eleger as 10 músicas, cientistas analisaram um grupo de voluntários enquanto eles realizavam tarefas de lógica o mais rápido possível.
Tais atividades foram elaboradas para induzir certos níveis de stress e as pessoas analisadas escutavam a uma série de músicas enquanto tentavam resolvê-las.
Através de uma série de sensores, os cientistas puderam medir a atividade cerebral de cada voluntário, além de obter informações fisiológicas como batimentos cardíacos, pressão sanguínea e o ritmo da respiração.
A música que encabeça o ranking é Weightless, do grupo Marconi Union. Não por acaso, essa faixa foi composta em parceria com a British Academy of Sound Therapy, justamente para proporcionar relaxamento.
Segundo o estudo realizado pela Mindlab, o som de Weightless é capaz de reduzir a ansiedade em até 65%. Propositalmente, “weightless” em inglês significa “sem peso, muito leve”.
O Marconi Union é focado em música ambiental e realiza estudos para compor suas músicas, mas a playlist da pesquisa também inclui canções bem menos engenhosas. Até Adele entrou no ranking, com o hit Someone Like You.
Confira aqui as 10 faixas que, segundo a ciência, podem diminuir a sua ansiedade:
1. Weighless (Marconi Union)
2. Electra (Airstream)
3. Mellomaniac – Chill Out Mix (DJ Shah)
4. Watermark (Enya)
5. Strawberry Swing (Coldplay)
6. Please Don’t Go (Barcelona)
7. Pure Shores (All Saints)
8. Someone Like You (Adele)
9. Canzonetta Sull’aria (Mozart)
10. We Can Fly (Café Del Mar)
Fonte:Blog do BG

Abalo sísmico volta a ser registrado em João Câmara, região Agreste do RN

Era por volta das 8h30 quando a população de João Câmara, cidade distante 73km de Natal e situada na região Agreste do Rio Grande do Norte, sentiu um novo abalo sísmico.
Logo depois do fato, as redes sociais ficaram enfervecidas com os comentários dos moradores. Pouco tempo depois, a situação foi confirmada pela Defesa Civil da cidade.
Segundo o Departamento de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis), o tremor registrado foi de 2,1 graus na escala Richter, considerado fraco.
Historicamente, João Câmara é bastante conhecida pelos abalos. Isso porque a cidade está situada na falha geológica da Samambaia, o que acaba gerando os constantes tremores no município.

Dois policiais militares são baleados durante assaltos em Natal.

Dois policiais militares, que terão as identidades preservadas foram alvo de tiros na noite deste domingo (18), durante assaltos nos bairros Potengi, na zona Norte e Lagoa Nova, zona Sul de Natal. Em ambos os casos as vítimas estavam de folga acompanhadas de familiares e amigos.
O primeiro assalto aconteceu nas proximidades da avenida Itapetinga, no conjunto Santarém, bairro Potengi, um Cabo da PM lotado no 4° Batalhão saía de uma festa junina com a filha quando homens armados anunciaram um assalto e em seguida atiraram duas vezes, atingindo o ombro e o abdômen do policial, que foi socorrido, cirurgiado e não corre risco de morte. Ele teve o carro levado pelos criminosos, mas o veículo foi recuperado horas depois.
O segundo policial militar vítima de disparo de arma de fogo também é Cabo e estava em uma lanchonete na avenida Lima e Silva, no bairro Lagoa nova. O estabelecimento foi invadido por assaltantes armados que atiraram no meio do salão após uma suposta reação de um dos clientes. Dos tiros efetuados um acabou acertando o pé do PM que logo após a ação dos suspeitos foi socorrido e passa bem. Nos dois assaltos os criminosos conseguiram fugir.
Fonte:Portal BO

Prisão de Aécio Neves e condenação de Lula estão na pauta do STF e do juiz Sérgio Moro

A semana vai ser agitada - de Brasília à "República de Curitiba", com a mistura de política-justiça-polícia, que aliás, tem sido o "tempero" dos últimos tempos no andar de cima da vida pública do País.
Em Brasília, os cinco ministros da primeira turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidirão nesta terça-feira (20) o pedido de prisão do senador afastado Aécio Neves (PSDB).
O tucano foi flagrado recebendo propina dos donos da JBS e delatado pelo nocivo Joesley Batista. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu a prisão de Aécio. (Leia AQUI)
Em Curitiba, o juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em primeira instância, poderá proferir sua sentença no processo em que o ex-presidente Lula (PT) é réu, a partir de quarta-feira (21).
Lukla 2016
Nesse processo Lula é acusado de ter recebido propina por conta de três contratos entre a empreiteira OAS e a Petrobras. Entre os favores recebido está um famoso tríplex no Guarujá-SP. (Leia AQUI).
No pedido de condenação, o Ministério Público Federal (MPF) apontou, com vasta documentação, depoimentos e fotos, que Lula cometeu os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
O MPF pede condenação de Lula à prisão e o pagamento de multa no valor de R$ 87,6 milhões.
michel temer nova veja
A semana também será difícil para o presidente Michel Temer (PMDB), enrolado na delação de Joesley Batista. O PGR poderá apresentar denúncia contra Temer até quinta-feira (22), com base na delação e nas novas declarações feitas pelo dono da Friboi, em que aponta Temer como "o chefe da quadrilha" (leia AQUI).
Fonte:De fato

Governo seleciona estudantes de escolas estaduais para projeto Jovem Senador 2017

WhatsApp
O Governo seleciona, através do projeto Jovem Senador, 27 estudantes do ensino médio de escolas estaduais com idade até 19 anos para vivenciarem o trabalho dos senadores em Brasília. A seleção se faz por meio de um concurso de redação. Nas duas últimas edições realizadas, em 2015 e 2016, o Rio Grande do Norte ficou na segunda posição nacional no número de textos produzidos.
A Secretaria de Estado da Educação e Cultura (SEEC), por meio da subcoordenadoria de Ensino Médio, realiza no período de junho a julho, o projeto Dia S com o objetivo de incentivar a participação dos estudantes potiguares da rede estadual no certame.
No dia em que a ação estiver acontecendo na escola os estudantes produzirão um texto de acordo com as orientações do Programa Jovem Senador, abordando o tema “Brasil Plural: para falar de intolerância”.
O texto será avaliado como critério seletivo para indicação ao concurso. Ao final, a SEEC-RN vai premiar as melhores redações por Diretoria Regional de Educação (Direc), contemplando estudantes e professores-orientadores. Os vencedores receberão como premiação tablets, medalhas e certificado de participação.
Fonte:O mossoroense

Temer lidera maior e mais perigosa organização criminosa do país, diz Joesley

O empresário Joesley Batista, dono da JBS e delator na Operação Lava-Jato, afirmou que o presidente Michel Temer lidera “a maior e mais perigosa organização criminosa” do Brasil. A declaração foi dada em entrevista à revista "Época", na qual descreve a relação que mantinha com Temer, os pedidos de propina que teriam sido feitos pelo presidente e seu grupo político e as negociações para os pagamentos ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha depois de preso.

Joesley descreveu Temer como o líder do grupo político do PMDB que comanda a Câmara dos Deputados. Fariam parte desse grupo os ministros Eliseu Padilha (Casa-Civil) e Moreira Franco (Secretaria de Governo), os ex-ministros Henrique Eduardo Alves, que está preso, Geddel Vieira Lima e Cunha.

“Essa é a maior e mais perigosa organização criminosa desse país. Liderada pelo presidente”, declarou Joesley. “O Temer é o chefe da Orcrim da Câmara. Temer, Eduardo, Geddel, Henrique, Padilha e Moreira. É o grupo deles. Quem não está preso está hoje no Planalto”.

À revista, o dono da JBS disse que se aproximou de Temer “em 2009, 2010”, por meio do ex-ministro Wagner Rossi, e desde então manteve uma “relação institucional” com o presidente, a quem via como uma “condição de resolver problemas” de seus negócios.

“Acho que ele me via como um empresário que poderia financiar as campanhas dele — e fazer esquemas que renderiam propina. Toda vida tive total acesso a ele. Ele por vezes me ligava para conversar, me chamava, eu ia lá”, disse o delator.

O primeiro pedido de dinheiro teria sido feito em 2010. Um deles diz respeito ao pagamento de aluguel de escritório na Praça Pan-Americana, em São Paulo; outro pedido se refere à campanha de Gabriel Chalita à prefeitura paulista em 2012. Temer também teria pedido dinheiro para seu grupo político em 2014. O dono da JBS afirmou que o presidente pediu R$ 300 mil para fazer campanha na internet sobre sua imagem antes do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

“O Temer não tem muita cerimônia para tratar desse assunto. Não é um cara cerimonioso com dinheiro”, declarou.

Joesley relatou ainda pedidos para pessoas próximas ao presidente, como o advogado e ex-assessor da Presidência José Yunes e o ex-secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Milton Ortolon.

O dono da JBS afirmou que pagava propina porque dependia da atuação do grupo:

“Eles foram crescendo no FI-FGTS, na Caixa, na Agricultura — todos órgãos onde tínhamos interesses. Eu morria de medo de eles encamparem o Ministério da Agricultura. Eu sabia que o achaque ia ser grande”, disse.

Joesley também narrou uma disputa interna no PDMB.

“O PT mandou dar um dinheiro para os senadores do PMDB. Acho que R$ 35 milhões. O Temer e o Eduardo descobriram e deu uma briga danada. Pediram R$ 15 milhões, o Temer reclamou conosco. Demos o dinheiro. Foi aí que Temer voltou à Presidência do PMDB, da qual ele havia se ausentado. O Eduardo também participou ativamente disso”.

INTERLOCUÇÃO COM FUNARO E CUNHA

As tratativas de dinheiro, segundo Joesley, obedeciam a uma hierarquia dentro do grupo — primeiro, o empresário tratava de pagamentos com o doleiro Lúcio Funaro; caso não tivesse seu pedido atendido, buscava Eduardo Cunha, que seria subordinado a Temer, a quem recorria por último. Segundo Joesley, Michel Temer “se envolvia somente nos pequenos favores pessoais ou em disputas internas, como a de 2014”.

Joesley confirmou à revista que determinou pagamentos a Cunha e Funaro quando os dois já estavam presos para evitar que eles firmassem acordo de delação premiada. Os repasses teriam recebido anuência de Temer, como o empresário afirmou em sua própria colaboração com a Justiça. Segundo o dono da JBS, ele era procurado por Geddel “de 15 em 15 dias” para saber se “estava cuidando dos dois”.

“Eu informava o presidente por meio do Geddel. E ele sabia que eu estava pagando o Lúcio e o Eduardo. Quando o Geddel caiu, deixei de ter interlocução com o Planalto por um tempo. Até por precaução”, afirmou.

Joesley contou que Cunha e Funaro designaram representantes para receber o dinheiro.

“Virei refém de dois presidiários. Combinei quando já estava claro que eles seriam presos, no ano passado. O Eduardo me pediu R$ 5 milhões. Disse que eu devia a ele. Não devia, mas como ia brigar com ele? Dez dias depois ele foi preso”, afirmou.
Fonte:Potiguar notícias

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Ministro interino da Cultura de Temer pede demissão

João Batista de Andrade, ministro interino da Cultura, pede demissão (Valter Campanato/Agência Brasil/Agência Brasil)
O ministro interino da Cultura do governo Temer, João Batista de Andrade, enviou uma carta ao presidente pedindo demissão. A Secretaria de Imprensa da Presidência confirmou à Reuters que a carta de demissão do ministro interino chegou ao Planalto.
Ele justificou o pedido afirmando que não tem interesse em ser efetivado no posto. “Confirmo a minha disposição para contribuir de forma mais proativa possível com a transição de gestão do Ministério da Cultura”, afirmou na carta.
João Batista está no cargo desde maio, quando o ex-ministro Roberto Freire também pediu demissão após a divulgação da delação premiada de Joesley Batista, citando Michel Temer.
De acordo com o Estadão, o governo já tinha decidido tirar João Batista do cargo, para tirar o ministério do PPS. Roberto Freire, o ministro anterior, que também é do PPS, tinha cobrado a renúncia do presidente após a delação.
No entanto, o governo só deve efetivar a troca quando Temer voltar de viagem para a Rússia e a Noruega, na próxima sexa-feira (22).
Exame, com informações da Reuters


Fonte:Blog do BG

Eliza, ex-vocalista da Cavaleiros do Forró, morre em acidente de carro

Eliza Clívia, ex-cantora da Cavaleiros do Forró acaba de falecer após um acidente que aconteceu em Aracaju, Sergipe. No carro também estava seu baterista, Munição (ex-Forró Pegado) que também não resistiu ao acidente e veio a óbito.
Eliza Clívia ficou conhecida nacionalmente por cantar no auge dos Cavaleiros do Forró e emplacar inúmeros sucessos como Mar de Doçura, Não pegue esse avião, Cadê Você, Minha Rainha, Alô…
A cantora tem uma importante contribuição para a música potiguar, principalmente para o forró. Nós lamentamos imensamente a sua morte e desejamos conforto ao coração dos amigos e familiares.
Fonte:o natalense

PCC movimentou mais de R$ 6 milhões nos últimos anos no RN, aponta investigação

A facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) movimentou cerca de R$ 6 milhões, aponta investigação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). 
 
Uma operação denominada ‘Juízo Final’ foi deflagrada na manhã desta sexta-feira, 16. Os promotores cumprem mandados de busca, apreensão, prisão e condução coercitiva em 13 unidades prisionais estaduais e uma federal em 18 cidades potiguares. Ao todo, são 129 mandados de busca e apreensão, 21 de prisão e 24 de conduções coercitivas.
 
Segundo investigações, cerca de 184 contas de familiares dos investigados, predominantemente de mulheres, foram utilizadas nas movimentações.
 
Redes sociais eram utilizadas para a comunicação dos presidiários. Por esta razão, ordens judiciais foram expedidas para a quebra de sigilo revelar os planos dos criminosos. O Facebook, porém, informa que não armazena informações de seus usuários, e que por esta razão, não poderia contribuir com a Justiça.
 
Foto: Reprodução/MP
 
 
 
 
A rede social foi multada em R$ 15 milhões por não contribuir com operação. Outros documentos acumulados durante investigação, comprovam que houve o descumprimento de ordens judiciais também do Whatsapp.
 
Durante o período de investigação, foram apreendidos cadernos e papéis com informações dentro de algumas unidades prisionais do RN.
 
As anotações contêm nomes, apelidos, datas e números de telefones. Além disso, há identificação dos “padrinhos” (pessoas da facção que anuem á entrada do novo integrante), a “quebrada de origem” (de onde vem aquele que busca entrar no PCC), “quebrada atual” (onde está atuando recentemente) e as “faculdades” (forma como identificam as unidades do sistema penitenciário).
 
Os dados contidos nas anotações registram toda a atividade criminosa e o quantitativo de integrantes da organização a qual conta hoje com mais de 600 integrantes do Estado.
 
As medidas estão sendo cumpridas em Natal, Parnamirim, Ceará Mirim, Macaíba, Baía Formosa, Mossoró, Itajá, Felipe Guerra, Baraúna, Caraúbas, Martins, Pau dos Ferros, São Francisco do Oeste, Tenente Laurentino Cruz.
 
Também há cumprimento de mandados na Penitenciária Rogério Coutinho Madruga (Pav. 5), Penitenciária de Alcacuz, Cadeia Pública de Natal, CDP Zona Norte, Complexo Penal João Chaves, CDP Pirangi, Penitenciária Estadual de Parnamirim, CDP Parnamirim, Cadeia Pública de Mossoró, Presídio Mário Negócio, Cadeia Pública de Caraúbas, Presídio de Pau dos Ferros, CDP Patu, CDP Parelhas, CDP Jucurutu.
Fonte:De Fato