quinta-feira, 28 de julho de 2016

Imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida retorna a Messias Targino

A imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida,veio mais uma vez a cidade de Messias Targino,na ocasião visitou os sítios Cangaira onde foi rezado o ofício,e em seguida foi tomado uma café da manhã,em seguida a imagem foi para o sítio Oliveira,onde foi rezado um terço,a imagem retornou para a capela de Nossa Senhora das Graças, e as 14 horas visitou as escolas do município,depois seguiu em cortejo para  sítio Trincheiras onde foi rezado a missa na capela daquela comunidade,posteriormente a imagem se despediu do município.Na quarta feira da semana passada,a imagem peregrina já tinha visitado nossa cidade,na ocasião os fiéis esperaram a chegada da santa na entrada do município e seguiram em procissão pelas principais ruas até chegar a igreja,onde foi rezada a santa missa.



video

OMS diz que hepatite atinge 400 milhões de pessoas em todo o planeta

O Dia Mundial da Luta contra as Hepatites Virais, celebrado hoje (28) com ações de prevenção, foi criado para informar sobre a doença e aumentar o acesso aos testes e tratamento da hepatite, inflamação no fígado que pode ser causada pelos vírus A, B, C, D e E.

Considerada um problema mundial de saúde pública, a hepatite pode levar a problemas hepáticos graves causando a morte. A estimativa da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) é de que no país há entre 1,5 milhão e 2 milhões de pessoas com hepatite, mas só cerca de 300 mil sabem que têm a doença

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que – em todo o planeta - 400 milhões de pessoas estejam infectadas pelos vírus da hepatite B e C, número dez vezes maior que o de pessoas contaminadas pelo HIV, mas a maior parte dos portadores sequer sabe que está doente. Segundo a OMS, apenas uma em cada 20 pessoas com hepatite viral sabe que está doente e só uma em cada 100 com a doença está recebendo tratamento.

No Brasil, a situação não é diferente. Segundo o Ministério da Saúde, milhões de brasileiros são portadores do vírus B e C e não sabem. Além do risco que correm se a doença evoluir e causar danos irreversíveis ao fígado, como cirrose e câncer, os infectados também podem transmitir a doença para outras pessoas.

O diretor de Comunicação da SBI,  infectologista David Urbaez, explicou que as hepatites costumam ser silenciosas e a falta de sintomas pode retardar a busca por tratamento, o que agrava o quadro da doença. “O modelo de doença faz com que a pessoa não fique sabendo e não procure ajuda médica, pois não apresenta sintomas. A maior parte dos diagnósticos ocorre já na cirrose, aí se faz redução de danos, mas é irreversível”.

Urbaez também alertou para a necessidade de os médicos se habituarem a pedir o exame com maior frequência. Ele esclareceu que, em poucos casos, as pessoas ficam com os olhos e pele amareladas, sintoma comumente atribuído à doença.

“Isso só ocorre em casos de hepatite aguda sintomática, que acomete um percentual muito pequeno de pacientes”, disse. Quando aparecem, os sintomas podem incluir urina escura, fezes claras, dor abdominal, tontura, enjoo, vômito, cansaço, febre e mal-estar.

Teste gratuito

A rede pública de saúde de diversos municípios, entre eles Brasília, São Paulo, Fortaleza, Vitória, está fazendo campanhas neste mês, batizado de “julho amarelo”, com a disponibilização de testes rápidos para os tipos mais comuns da doença em locais de grande circulação.

A orientação da SBI é que todos os adultos façam o teste da doença, especialmente o tipo C, disponível gratuitamente na rede pública de saúde de todo o país. “A gente enfatiza a hepatite C porque, no momento, ela é a que a gente acredita ser a que tem o maior número de pessoas que desconhecem que são portadoras”, explicou.

O infectologista informou, ainda, que o tratamento para a hepatite C dura até 12 semanas e é gratuito pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo ele, o índice de cura é acima de 90%.

David Urbaez disse que, “via de regra, as hepatites virais regridem sozinhas”. Mas caso isso não ocorra, quanto antes for diagnosticada, mais eficiente será o tratamento. No caso da hepatite C, a deterioração do fígado vai acontecendo ao longo de décadas, de forma bem gradual, e, quando surge a manifestação clínica, o fígado já está muito deteriorado e pode ter entrado em cirrose, um processo que, de forma progressiva, altera a “arquitetura do fígado” de forma irreversível.

Hepatites virais

A hepatite é a inflamação do fígado. Pode ser causada por doenças autoimunes, metabólicas e genéticas ou pelo uso de remédios, álcool e outras drogas, mas os tipos mais comuns são causados pelos vírus A, B, C, D e E.

O Ministério da Saúde orienta que as pessoas observem se já se expuseram a situações que apresentam risco de contágio, e, assim, saber se há a necessidade de fazer exames. Viver em situações precárias de saneamento básico, água e higiene pessoal e de alimentos leva ao risco do contágio fecal-oral, que transmite as hepatites A e E. Quem tem hepatite A ou E pode se curar, eliminando o vírus do organismo.

Praticar sexo sem proteção, compartilhar seringas, agulhas, lâminas de barbear, alicates de unha e outros objetos que furam ou cortam pode causar contaminação pelos vírus B,C e D, transmitidos pelo sangue. Esses tipos também podem passar da mãe para o filho durante a gravidez, o parto e a amamentação.

As hepatites B, C e D podem apresentar tanto formas agudas quanto crônicas de infecção quando a doença persiste no organismo por mais de seis meses. O Ministério da Saúde informa que, no caso das hepatites B e C, é preciso um intervalo de 60 dias para que os anticorpos sejam detectados no exame de sangue.

Para saber mais como se prevenir dos diferentes tipos de hepatites virais, acesso o site do Ministério da Saúde que trata do tema.

Vacinação

A vacina de hepatite A foi introduzida no calendário infantil em 2014, para crianças de 1 a 2 anos de idade. O Sistema Único de Saúde disponibiliza gratuitamente a vacina contra a hepatite B em qualquer posto de saúde para pessoas de até 49 anos.

A imunização é feita em três doses, e só é efetiva quando a vacina é tomada com intervalo de um mês entre a primeira e a segunda dose e de seis meses entre a primeira e a terceira dose. Não existe vacina contra a hepatite C.

A hepatite D depende da hepatite B para ocorrer, portanto, vacinar contra o tipo B previne o tipo D. A hepatite E tem ocorrência rara no Brasil e não há vacina disponível para a doença.
Fonte:No minuto

Marcha para satanás acontecerá no mês de agosto, em Natal

Mais uma edição da marcha para satanás acontecerá em Natal, veja o que diz os organizadores:
“Vemos uma poluição, hoje mais do que nunca em nossa história registrada. Claro, podem ter existido períodos piores, mas os cristãos queimaram os registros que nos diriam isso, assim como na biblioteca de Alexandria.
Em todo e qualquer lugar que católicos, protestantes e cristãos em geral chegavam, tiveram sua cultura destruída, queimada e arruinada.
Isso inclui as culturas europeias, africanas, asiáticas, americanas. Onde tivessem, eles destruiam tudo.
Querem substituir a nossa cultura originária indígena, por uma cultura judaico-cristã.
Tanto o cristianismo, assim como o islamismo detém as raizes do maiores problemas do mundo moderno.
É difícil saber o que fazer para se opor a algo, porque as vozes dissidentes não são toleradas em nossa sociedade contemporânea, mas é nauseante ver as culturas originárias de seus continentes sendo contaminadas pouco a pouco por dogmas e leis, por facetas de culturas autoritárias e segregacionistas.
Os participantes estão proibidos de pregar ódio contra homossexuais, mulheres e trans. Pessoas que forem transar entre si, tudo bem, desde que seja em comum acordo, ao contrário de cristãos, condenamos qualquer tipo de abuso e estupro.
Pedimos o suicídio coletivo de Marco Feliciano, Jair Bolsonaro, Eduardo Cunha, Silas Malafaia e toda essa corja cristã fundamentalista que infecta nosso país!
Convidem a tod@s, juntem-se a nós!”
Fonte:O natalense

Justiça Federal bloqueia R$ 38 milhões do Facebook

A Justiça Federal no Amazonas autorizou, a pedido do Ministério Público Federal, o bloqueio de R$ 38 milhões do Facebook no Brasil, por descumprir decisão judicial que a obrigava a fornecer dados de cadastros e quebrar o sigilo de mensagens trocadas pelo WhatsApp para embasar uma investigação. A informação foi antecipada esta quarta-feira no blog do colunista Lauro Jardim.
Segundo o Ministério Público Federal, autor da ação, o valor bloqueado corresponde ao montante das multas individuais de R$ 1 milhão estipuladas para cada dia de descumprimento da decisão judicial. O Facebook argumentou, sem sucesso, que os dados estão guardados em servidores de computador no exterior, e só podem ser solicitados por acordos de cooperação internacional.
O procurador Alexandre Jabur, responsável pela investigação, avalia que o Facebook demonstra “enorme desprezo pelas instituições brasileiras” ao se negar a cumprir as ordens judiciais que determinam a quebra de sigilo de mensagens trocadas entre criminosos.
“Ao conferir proteção absoluta à intimidade, a empresa ultrapassa o limite do razoável, criando um ambiente propício para a comunicação entre criminosos, favorecendo aqueles que cometem crimes graves, como terrorismo, sequestro, tráfico de drogas etc”, argumentou o procurador.
O Facebook alegou que não pode cumprir as decisões judiciais porque, desde abril, as mensagens do WhatsApp são criptografadas de ponta-a-ponta, o que as torna inacessíveis.
Os detalhes da investigação não foram divulgados em razão do segredo de Justiça.
Fonte:O Globo


Eliminações na Copa do Brasil definem os confrontos da Copa Sul-Americana; veja duelos

Os confrontos dos times brasileiros na Copa Sul-Americana estão definidos. Com a definição dos clubes classificados para as oitavas de final da Copa do Brasil, foram conhecidos também as equipes que representarão o país na competição continental. Garantido antes mesmo do sorteio, o Flamengo terá pela frente o Figueirense.
Eliminada da Copa do Brasil após um empate por 1 a 1 com o Atlético-PR, a Chapecoense retorna ao torneio da América do Sul e terá pela frente o Cuiabá. A equipe mato-grosssense conseguiu a classificação após conquistar a Copa Verde de 2015.
Já os outros dois confrontos entre brasileiros também prometem bastante regularidade. O Coritiba enfrentará o Vitória, enquanto o Sport faz o clássico pernambucano diante do rival Santa Cruz.
Confira os confrontos:
Flamengo x Figueirense
Chapecoense x Cuiabá
Sport x Santa Cruz
Coritiba x Vitória
Fonte:Fox Sports


RN confirma 123 casos de microcefalia

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou nesta quinta-feira, 28, o novo boletim com os números da microcefalia no Rio Grande do Norte. Foram notificados 449 casos suspeitos de microcefalia relacionados às infecções congênitas. Desses, 329 são de nascimentos ocorridos em 2015, 109 são de nascimentos ocorridos até a semana epidemiológica nº29, terminada em 24 de julho, quatro foram de nascimentos ocorridos em 2014 e os demais estão entre os abortos e pré-natal. 
Do total de casos notificados, 201 estão sob investigação, 123 foram confirmados e 123 foram descartados (descartados por apresentar exames normais, por apresentar microcefalia e/ou malformações congênitas por causas não infecciosas ou por não se enquadrar nas definições de caso). Os municípios com maior número de casos permanecem Mossoró, Natal e Parnamirim.
Um total de 6,5% (29/449) das notificações evoluíram para óbito após o parto ou durante a gestação (abortamento espontâneo ou natimorto). Segundo a classificação, 38% (11/29) dos óbitos permanecem em investigação, 59% (17/29) foram confirmados e 03% (1/29) foram descartados.
Fonte:Novo Jornal

Governador anuncia investimento de quase R$ 4 milhões no Hospital Regional do Seridó

O governador Robinson Faria anunciou o investimento de R$ 1,7 milhão em obras e de R$ 2 milhões em equipamentos para o Hospital Regional do Seridó, em Caicó. Durante visita, realizada na manhã desta quinta-feira, 28, o chefe do Executivo ainda assinou a ordem de serviço para a substituição da rede elétrica do hospital, que impedia o funcionamento pleno da unidade.
Do total anunciado, R$ 1,8 milhão será aplicado na aquisição de um tomógrafo. O equipamento será entregue em até 90 dias, e antenderá pacientes de 25 municípios da região, com população estimada em 310 mil habitantes, que antes tinham que ser atendidos na capital do estado.
“E nós ainda demos o fim a uma pendência jurídica em relação ao terreno do hospital. Hoje, ele pertence ao Estado do Rio Grande do Norte e está completamente a disposição da saúde do povo do Seridó”, salientou o governador, antes de revelar que o governo trará dois dias de boas notícias à região ao longo da agenda administrativa que só termina amanhã, 29, às 16h, em Jucurutu.
HOSPITAL REGIONAL
O Hospital Regional do Seridó é de grande importância para a Rede de Atenção à Saúde do Estado. Atende urgência e emergência, clínica médica, cirurgia geral, ortopedia e traumatologia e obstetrícia de alto risco. Possui 89 leitos, com proposta de ampliação de mais 17 para longa permanência e retaguarda clínica da Rede de Urgências e Emergências.
Fonte:de Fato